www.olhares.com

Olhando pra essa foto me lembrei da minha infância, do meu pai.

Saudades de quando íamos comprar o material escolar. Cadernos, livros, apontador, lápis de cor, canetinhas e etc.

Saudades de quando ele ía me levar na escola, todo de branco (era médico); me lembro de perguntar: "Que horas são?" E ele respondia: "quinze pra uma". Ele sempre cantava ou assoviava alguma canção no caminho. Muito raro se atrasar.

Me lembro do dia em me enfiei debaixo de uma roseira que havia na casa velha; ele ficou bravo, pois um espinho entrou no meu couro cabeludo (rsrsrsr).

Mas apavorado mesmo ele ficou no dia em que enfiei 4 baguinhos de feijão no nariz (que idéia é essa que as crianças têm de colocar feijão no nariz? Sei de vários casos semelhantes!).

Saudades do tempo em que nadávamos eu, minha irmã e ele. Eu e minha irmã nos dependurávamos no pescoço dele, uma de cada lado, e ele ía nadando nos rebocando.

Quando tudo estava bem: "filhota", "chimbica".

Quando tava bravo: JACQUELINE! (sai de baixo!)

Hoje não está mais conosco, mas suas lembranças sempre estarão. Sempre muito doces!

Essa é uma homenagem que faço ao meu PAI e a todos os pais que conheço. FELIZ DIA DOS PAIS!



- Postado por: Jacque às 21h55
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________________________________




 

E NA SACOLINHA...

 

Este é apenas um relato de um fato verídico acontecido nessa semana. Não vou criticar a categoria como um todo, pois gente despreparada e maus profissionais existem em qualquer profissão, infelizmente. Não presenciei, mas conheço quem presenciou.

 

De repente surge um rapaz carregando uma sacolinha de plástico, que entra correndo desesperadamente na instituição de tratamento, como se pedisse por socorro; como se ali fosse ter abrigo. Atrás dele: dois policiais que o alcançaram rapidamente; e ele foi ao chão.

 

Daí começa um show de horrores na frente de todos. Pisadas na cabeça, pontapés e coisas do gênero. Cadê as algemas? Por que não usá-las agora? Mas eles continuavam; espancavam o rapaz caído no chão sob os olhares perplexos e sob o protesto e indignação de todos que estavam na instituição; e ainda justificavam: “Ele roubou um mercado”.

 

Precisou de uma moça intervir verbalmente de perto. Quando pegam a sacolinha: a nota de compra estava lá dentro.

 

Por “milagre”, a nota desaparece ali mesmo, mas as marcas já deixadas no corpo não desapareceriam assim tão milagrosamente e elas tinham que ter, pelo menos, uma justificativa, já que armas o rapaz não portava e testemunhas do ocorrido tinham, pelo menos, umas 5.

 

Agora sim, as algemas entram em ação!

 

De repente eles recebem um comunicado pelo rádio: o rapaz é portador de transtorno mental; se apavoram (pois a coisa complica mais ainda nesses casos). Imediatamente chega no local outra viatura com outros policiais, que dizem a seus colegas: “Vocês c......”.

 

Levaram o rapaz ao Hospital mais próximo para ser avaliado, afinal estava muito machucado. Uma de suas marcas, dentre tantas, era a do solado da bota do policial em seu pescoço.

 

A mãe, que fora comunicada enquanto o rapaz estava na instituição, chega e comprova o tratamento psiquiátrico através de inúmeras receitas feitas no decorrer de vários anos e que traziam, além dos medicamentos prescritos, o diagnóstico: F20.0 (esquizofrenia).

 

Pra matar a curiosidade: ele correu porque se assustou com a polícia (que estava armada) e na sacolinha... um pacote de biscoitos.



- Postado por: Jacque às 00h58
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________________________________




OLHA A GRIPE!!!

Nossa, hoje não fiz nada! Também pudera, tô com uma gripe daquelas!

Espirro pra lá, espirro pra cá...(no total foram uns mil e novecentos e trinta e dez) nariz entupido, olhos ardendo.

Cabeça pesada e muitos, muitos lenços de papel!

O corpo pedindo descanso o tempo todo! É a bendita da febre!

Na TV: sessão da tarde (fraquinha demais!); programas de fofocas - nem pensar, se não é capaz de piorar esse quadro! "Malhação" (ninguém merece isso!). Fico pensando que aqueles que fazem esse tipo de programação têm certeza que o povo é burro e fútil!

Opções: dormir ou blogar. Fiquei com as duas!

Me desculpem, mas hoje não vou conseguir escrever nada de interessante, já que meus neurônios estão com febre e pesando uns 20kg cada.

Até mais!    (eu tô desse jeito!)



- Postado por: Jacque às 18h16
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________________________________




TEM DIAS...

Tem dias que a gente tá   ,

 

 

Tem dias que a gente tá      ,

 

Tem dias que a gente tá    ,

 

Tem dias que a gente tá     ,

 

Tem dias que a gente tá      ,

 

Mas hoje, definitivamente, eu tô    .

Graças a Deus existe amanhã!



- Postado por: Jacque às 22h37
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________________________________




RASTROS DA GUERRA

Estive observando e pensando: como as coisas se repetem.

 

  

 

            

   

  

As fotos estão misturadas propositalmente.

Atemporais.

Estupidez racional.



- Postado por: Jacque às 14h45
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________________________________





Meu perfil
BRASIL, Mulher, Música, Viagens, Cinema, Vídeo,Natureza,Escrever e Ler!


Mineira

Belo Horizonte

Profissão: Enfermeira Intensivista

Livro de cabeceira: A irmandade do Santo Sudário

Satisfação: minha profissão

CURRENT MOON
moon phases

Contra a corrupção,   Participe dessa caminhada!

Histórico:

- 21/08/2005 a 27/08/2005
- 14/08/2005 a 20/08/2005
- 07/08/2005 a 13/08/2005
- 31/07/2005 a 06/08/2005
- 24/07/2005 a 30/07/2005
- 17/07/2005 a 23/07/2005



Outros sites:

- A pergunta que não quer calar!
- Casal Mikix
- Cibele
- Cinemeira com Olívia Joules
- Club das perguntas
- Consulta Sentimental
- e-indignação
- Mi casa, su casa
- Mineirinha n'Alemanha
- Mônica
- Sheila
- Taxitramas
- Temos que ter fé!
- Trocando figurinhas



Indique esse Blog


Contador:

eXTReMe Tracker

Layout por